Páginas

domingo, 6 de março de 2011

Viviam a humana, mas por agora, Rebecca a caçada.

  Corpos se movendo no ritmo. Lá estamos nós nos movendo. Aqui nada importava. Um momento, onde os adolescentes esquecem os problemas.
   Depois de horas dançando eu resolvi beber algo, considerando minha cede. Pedi uma água, pois sabia que eles me vigiavam e estavam aqui para me caçar. Sorri e olhei ao redor. A adrenalina é a melhor parte disso tudo! Fugir desses caçadores.. E ainda por cima fazer eles ficarem de cara na lama, poder chutar a bunda deles e fazer eles ficarem de bunda para cima em uma lapide é a melhor sensação que uma pessoa que nem eu podia ter... Ou melhor falando.
    Sou um demônio... Demoníaca, na verdade! Mas é tão legal fazer eles pagarem por matar tantos seres inocentes!
  Voltei para a pista e voltei a dançar, ingorando eles, pois essa noite eu queria curtir e a musica agora é a melhor. Like A G6.





    Senti algo me agarrar pela cintura e começar a dançar comigo e não me importei e continuei a dançar. Ouço um barulho de uma garota sendo estrangulada e ela gritando por socorro e viro na direção da voz e vejo uma menina estrangulando ela e me olhando. Uma caçadora. Uma...
    Soltei-me do homem que dançava comigo e corri pela balada apressada na direção dela e a caçadora logo solta a menina para o chão e então dois homens me agarram pelos braços e me forçam a ir para fora da balada, no beco escuro e sujo. Eu realmente não gosto de sujeira, mas jogar eles na água suja era a melhor coisa.
    -Becca, querida, nos encontramos de novo. - ela diz e eu simplesmente consigo rir.
    -Veio arrumar mais uma marca minha no seu corpo? - olhei para sua bochecha, onde tinha três arranhões que por acaso veio de mim - Ou acha que pode me matar?
     Ela me chutou na cara e logo sinto sangue na minha boca. A vadia estava usando uma bota de prata afiada!
     -Você está provocando ela. - ouço uma voz dos homens e reconheço como sendo do Beto - Não foi legal o que vc fez lá dentro.
     -Cale a boca seu inutil. - ela deu um soco na minha barriga e então puxa meu cabelo para trás - Você vai morrer devagar e dolorosamente.
      -Cansei de apanhar. - sorri para ela e então tiro meu braço do outro homem que pelo visto era novo no cargo e soquei o Beto que apenas afrochou o aperto, e então eu o joguei em cima da caçadora mais desonesta desse mundo.
      Ela caiu no chão e eu abri a boca dela e então tirei um vidrinho da minha saia e fiz ela engolir o conteudo dele. Ela não demorou a morrer e então me levanto me afastando enquanto vejo o Beto me encarar sorrindo.
     -Finalmente decidiu acabar com ela.
     -Ela era uma chata. - eu falo para ele e então olho para o novo agente e sorrio para ele - Nem todos os caçadores são honestos, assim como nem todo vilão é vilão, né Beto?
     Eu pego sua mão e o ajudo a se levantar. Beijo sua boca e então ele acaricia meu cabelo.
     -Não gosto de vc fazendo essas danças com os homens.
     -Sou sua, não deles,  lembra, afinal, - olhei para a caçadora já falecida - Está totalmente morta.
     -Merda. - o novo caçador disse - Vai ter que nos bater, né?
     -Não. Vocês que se virem!
     Voltei para dentro da balada e peguei minha bolsa, antes de voltar para casa.
     -Filha? - ouço meu pai e estremeço - Seus seguras te perderam de novo, onde esteve?
     -Festejando papai, mas vc não se importa.
     -Como não?!
     Girei os olhos e voltei para o meu quarto cantarolando. Prazer, meu nome é Viviam ou Rebecca. Afinal, tenho que ter uma vida normal. Sou Viviam, uma simples humana e Rebecca, a filha do chefe do comércio criminoso, dono de tudo. E o Beto? Meu namorado no colégio dos humanos, mas para o meu pai, só um amigo! E descobrir recentemente que ele era um dos melhores caçadores. E o melhor namorado que eu podia ter. (: 
   Volto com noticias em breve, afinal, quero mostrar meu mundo a vocês

2 comentários:

Mi disse...

Nooossa!!! Essa história foi D+. Podia ter um livro com essa história, eu gostaria de saber a continuação dessa vida dupla de Vivian ou Rebecca ;)
Beijos ♥!!!

FR disse...

Amei a história e concordo com a MI deveria ter um livro da história pois é de mais.Gostaria de saber da continuação.